• Início
  • Amazonas
  • Em parceria com o Ministério da Saúde governo vai implantar Plano Diretor da Saúde

Em parceria com o Ministério da Saúde governo vai implantar Plano Diretor da Saúde

(Foto: Divulgação)

MANAUS – O governo do Estado a vai implantar no próximo ano o Plano Diretor de Saúde, que será desenvolvido em parceria com Ministério da Saúde, abrangendo Manaus e outros dez maiores municípios do Amazonas. O Plano permitirá identificar as necessidades de leitos e de serviços e os municípios que possuem estrutura para atuar como polos de suporte, dando apoio no atendimento de média complexidade às cidades do entorno.

Com base no Plano Diretor, a Secretaria estadual de Saúde - Susam executará um programa de fortalecimento das regiões de saúde, reestruturando os municípios-polo e evitando o deslocamento da população do interior para a capital, em busca de atendimento especializado. O secretário estadual e Saúde, Pedro Elias, disse que entre as ações estruturantes está o Programa de Gestão Integrada de Saúde, que está sendo implementado em parceria com a empresa Processamento de Dados do Amazonas S/A - Prodam.

O programa consiste no desenvolvimento de sistemas informatizados para gestão das unidades de saúde e dos processos de planejamento, aquisição, distribuição e dispensação de medicamentos e materiais. “Com isso, a Susam vai modernizar a gestão, integrando e uniformizando os sistemas de informação das unidades; vai evitar desperdícios, garantir o estoque e melhorar o atendimento ao cidadão, que passará a contar com o suporte de ferramentas como o prontuário eletrônico único”, disse o secretário.

Outra medida que está sendo implementada, segundo Pedro Elias, e que já registra avanços importantes, é o reordenamento do fluxo de atendimento na rede de urgência e emergência, com o qual a Susam espera resolver o problema de sobrecarga nos hospitais e prontos-socorros. Hoje, essas unidades recebem mais de 80% das demandas que poderiam ser absorvidas na Atenção Básica, da rede municipal, ou nos Serviços de Pronto Atendimento - SPAs, que atendem casos de baixa e média complexidade.

O secretário disse, ainda, que para o próximo ano também estão previstas outras ações para melhorar a qualidade no atendimento na área de saúde. Além do reforço de mais 350 leitos que serão abertos com a inauguração do Hospital Delphina Aziz, na zona norte, uma das áreas mais populosas de Manaus, o grande desafio da Susam será o de reordenar o atendimento na rede de saúde. “Com isso, o Governo quer garantir uma melhor distribuição dos serviços, de acordo com as demandas de cada área da cidade e dos municípios do interior”, afirma Pedro Elias.