• Início
  • Dia a Dia
  • Operação do Ibama identifica 186 hectares de mata desmatada e queimada

Operação do Ibama identifica 186 hectares de mata desmatada e queimada

Ibama realiza operação e aplica multa de R$ 2,5 milhões por crimes ambientais (Foto: Divulgação/Ibama)MANAUS – Deflagrada em 16 de agosto e sem prazo para encerrar, a operação "Operação Tucandeira", do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis – Ibama, já identificou e interditou 186 hectares de áreas desmatadas e queimadas, além de 40 metros quadrados de madeira ilegal, sendo 30 metros quadrados em tora e 10 metros quadrados em madeira serrada. Nesse período já foram aplicadas multas no valor de R$ 2,5 milhões por crimes ambientais, 40 autos de infração e 22 Termos de Embargos.

 

De acordo com os técnicos do Ibama, até agora a operação se concentrou em cobrir uma grande parte da região do Rio Abacaxis, em função da proteção de territórios indígenas como o Coata-laranjal e Unidades de Conservação como a Floresta Nacional do Pau-rosa.  A ação também ocorreu nas cidades de São Sebastião do Uatumã, Maués, Nova Olinda do Norte e Borba. A operação do Ibama contatou que nessas áreas a atividade de compra e venda de combustíveis funciona sem licença ambiental.

Foram apreendidos mais de 22 mil litros de combustíveis, sendo 11.100 de diesel e 10.970 de gasolina. Foram apreendidos também dois Iates, 21 voadeiras, 179 ovos de tracajás, um jabuti e um cabeçudo; sete espingardas, além de 120 litros de copaíba extraídos ilegalmente da Flona de Pau-Rosa. A Polícia Militar flagrou, durante as ações, um homem portanto duas armas, uma motosserra e 320 gramas de maconha, segundo informou o Ibama.