• Início
  • Política
  • TRE-AM mantém calendário e diplomação do novo governador será dia 2 de outubro

TRE-AM mantém calendário e diplomação do novo governador será dia 2 de outubro

No domingo eleitores do Amazonas elegem o novo governador do Estado (Foto: Divulgação)MANAUS – Depois de muita especulação sobre a antecipação da diplomação do novo governador do Amazonas, o Tribunal Regional Eleitoral do Amazonas – TRE-AM publicou em seu site, nesta sexta-feira, 24, nota assinada pelo presidente do Tribunal, desembargador Yedo Simões, definindo o dia 2 de outubro para a diplomação do governador e do vice-governador eleito no segundo turno da eleição suplementar. Quase 40 dias depois da eleição. Com isso, o Tribunal mantém o calendário eleitoral definido anteriormente. 

 

De acordo com a nota, a cerimônia de diplomação será realizada no auditório Desembargador Arthur Virgílio do Carmo Ribeiro, no prédio anexo do Tribunal de Justiça do Amazonas, no bairro do Aleixo. A possibilidade de antecipação da data de diplomação começou a circular na quarta-feira, 22, horas depois do Tribunal Superior Eleitoral – TSE indeferir os pedidos de embargos ajuizados pelo ex-governador José Melo – Pros. O diretor-geral do TRE-AM, Messias Andrade teria recebido um pedido do presidente do TSE, ministro Gilmar Mendes, para que a diplomação do eleito no domingo 27, fosse antecipada.

O ministro considerava um o prazo muito longo entre a eleição do candidato e a data da diplomação. O TRE-AM alegou que iria analisar a possibilidade de antecipação da data. Messias Andrade chegou até a falar no dia 28 de setembro, mas deixou claro que nada estava definido. Segundo ele, era preciso tempo para o Tribunal receber e analisar as prestações de contas dos candidatos que disputam o segundo turno da eleição suplementar. Porém, prevaleceu o que estava definido no calendário eleitoral, assim, sem a antecipação da data, o candidato eleito será diplomado pelo TRE-AM quase 40 dias depois do segundo turno da eleição suplementar.